pour toujours

29.1.12

I'm Walking With Spiders ♥


O cheiro bafiento da sala de jantar misturava-se com o fumo do cigarro que acabara de acender. Deu um bafo. Não gostava do sabor, mas a sensação era agradável. Levou-o aos lábios mais duas vezes e deitou-o fora. 
Olha para ele, sentado numa cadeira, directamente à sua frente. Ele ia dizer-lhe qualquer coisa, mas ela silenciou-o com um gesto. Levantou-se, dirigiu-se até ele e beijou-o. Ele não resistiu, como ele pensara que fizesse. Ao invés, entregou-se totalmente a ela. Agarrou-lhe no cabelo e sentou-a no seu colo. Por entre todas aquelas sensações, o sabor quente e molhado da boca que ela tinha decorado, por entre todos aqueles beijos loucos e selvagens, ela sorriu. Afinal, ele ainda lhe pertencia.
Deteve-se quando ele lhe começou a tirar a camisola. Levantou-se do colo dele, quase tonta de adrenalina e foi até ao armário das bebidas. Tirou a vodka e bebeu, directamente da garrafa. Atirou-a ao chão e viu os recortes de jornal ali espalhados, definharem e a tinta das letras desaparecer.
"Vem comigo", disse-lhe. Ele levantou-se e ela dirigiu-se a uma porta fechada. Rodou a maçaneta enferrujada e a porta abriu-se, rangendo. A divisão estava completamente mergulhada na mais pura escuridão. (Se é que a escuridão pode ser pura). "Entra". Ele entrou. sem a mínima hesitação. "Então ele sempre confia em mim", pensou ela. Entrou de seguida e fechou a porta. Estendeu a mão até ao sítio onde sabia estar o interruptor e acendeu-o. 
Sentou-se no chão poeirento. Ele imitou-lhe os movimentos. A sala estava vazia. As duas únicas almas ali presentes: a dele. E a dela.
Estavam sentados frente a frente, mais uma vez. Permaneceram em silêncio, até que ela diz "Para sempre". Ele fica confuso. "O que queres dizer com isso?" "Seremos para sempre réstias daquilo que um dia quisemos ser. Sofremos, chorámos, e no fim, onde é que tudo isso nos trouxe? Até aqui. Até esta sala vazia onde eu sei que estou apenas eu realmente". "Mata-te". "Para quê? Para apodrecer aqui, com nada mais do que uma mera recordação tua, do teu sabor e do cheiro do fumo daqueles cigarros baratos? Não". Levantou-se, saiu,  e fechou a porta. Ele não a seguiu. Foi até à sala de jantar. Acendeu outro cigarro e pegou numa réstia de jornal que não se afogara na vodka. Leu as letras grandes e negras: "ELE (JÁ) MORREU".   

63 comentários:

chris disse...

a sério meu anjo? *--*

Aurora disse...

És um doce, completamente <3

Aurora disse...

Oh, continua sempre cá <3

sophia disse...

obrigada querida, também sigo :)

P* disse...

está lindo, tens uma capacidade de imaginação de admirar! <3

catarina disse...

muito obrigada minha querida, também te estou a seguir. estamos a passar por coisas semelhantes ?

B* disse...

adoro* mesmo muito <3

catarina disse...

é mesmo, há pessoas que tem coração de pedra ou à nascença foi petrificado, ou seja, é a mesma coisa. espero que recuperes rápido amor !

sophia disse...

ora essa <3

P* disse...

pois linda, quero acreditar que foi, ele disse aquilo de uma maneira...
eu gosto de tudo que tu escreves, escreves tão bem, meu doce <3

B* disse...

juro que amei mesmo! :) não tens de agradecer

P* disse...

espero mesmo que sim .
escreves pois♥

B* disse...

e eu digo mais uma vez que não é preciso ;)

Aurora disse...

Ainda bem doce. Muitos beijinhos<3

B* disse...

mesmo mesmo :b

Aimi disse...

Oh, muito obrigada, também estou aqui para ti, para qualquer coisa <3

Bruna Silva disse...

oh és mesmo amorosa *.*

Inês Filipa disse...

wow , fantástico !

Aimi disse...

Oh, eu não duvido princesa <3

Bruna Silva disse...

somos as duas (L)

Inês Filipa disse...

obrigada minha querida !
bom o suficiente? foi dos textos mais bonitos que já vi :)

simple writer disse...

oh princesinha, eu tento eu bem tenho, mas magoa-me tanto... obrigado por tudo <3

Bruna Silva disse...

ainda bem querida (:

claire disse...

oh obrigada:)) gostei bastante

Sofia Moreira disse...

ainda bem e muito obrigada querida :)

Blair disse...

obrigada :)

sam disse...

aw, obrigada!

raquel barbosa disse...

muito obrigada fofinha :)
gostei bastante do post *

máfs. disse...

Obrigada <3

Vanessa ൪ disse...

Obrigada querida *

P* disse...

oh não tens de agradecer meu bem :)

simple writer disse...

minha linda, mas eu mereço isto tudo, sabes. tudo mesmo. eu cometi tantos erros. mas eu não aguento mais isto. dez meses, sabes. dez. é muito tempo, meu deus. oh fizeste sim acredita

MARIANNE disse...

porque é que ele teve que morrer? :o

sam disse...

oh fofinha!

Sofia Moreira disse...

oh és um amor, mesmo :)

raquel barbosa disse...

não precisas de agradecer princesa *

nicolemorais disse...

está LINDO :o

Sofia Moreira disse...

não tens de quê mesmo! obrigada eu fofinha :)

P. disse...

lindoo :$

anaf. * disse...

Tenho um desafio para ti no meu blog (:

maria. disse...

Obrigada :)

MARIANNE disse...

mas ele entregou-se a ela, tu própria escreveste, como é possível ele não a amar? ohh, pode ser que o teu próximo texto fictício tenha um final menos infeliz.
achas mesmo, doce? gosto tanto quando gostam dos meus textos. nem imaginas como me sabe bem!

MARIANNE disse...

então ainda bem que ele morreu, homem que é mau não merece um amor daqueles!
estás bem, pequenina?

MARIANNE disse...

preocupo-me sim, nem me peças uma coisas dessas. queres falar?

Francisca. disse...

gostas? ihih, muito obrigada :)

simple writer disse...

oh sabes minha querida, eu bem tento. quer dizer ja o tentei milhares de vezes, mas não dá. é mais forte que eu. tão mais forte que eu. e eu amo-o tanto. de uma maneira louca que faz com que seja impossivél desistir. mas deixa lá , isto com o tempo passa. oh, obrigado princesinha. digo-te o mesmo e gosto imenso de ti!

anaf. * disse...

ai , eu nem sei se gosto ou nao gosto , preferia nao o ter escrito, preferia antes te-lo comigo $:

nessa disse...

muito obrigada, também ja te sigo :)

filipa margato disse...

gostaste querida? também estou a seguir-te :)

simple writer disse...

oh sabes, espero que sim <3

filipa margato disse...

ainda bem querida, ora essa :)

Anna Lima disse...

oi oi , eu postei a minha playlist da semana e queria muito sua opinião sobre ela :D
e quem sabe vc não possa me indicar alguma música que vc goste ... bj :*

anaf. * disse...

pois tenho de pensar assim , mas ai , tenho de dar rumo á minha vida :s

P. disse...

Tambem te vou seguir (;

Beijinho *-*

Inês Filipa disse...

a sério , querida <3

angie disse...

muito obrigada linda, vou seguir-te também

evii disse...

que post lindo :)
obrigada por seguires, eu não estou a conseguir seguir o teu, mas mais logo tento para ver se já dá :)

t disse...

muito obrigada :D
vou seguir também, se ainda ñ segui

Lia disse...

é bom saber
obrigada por me seguires, também te seguirei

Maria João Cardoso disse...

obrigada:$
sigo de volta. também gosto muito da tua música, a única que conhecia da Birdy era a "skinny love". :)

Lia disse...

deixei de seguir e voltei, já apareço agora? :x

Maria João Cardoso disse...

obrigada princesa :)

Lia disse...

ah pronto :)
oh, não tens que agradecer, mesmo!