pour toujours

16.9.11

É para ti*

Olá a quem me lê! (Já sei que há pelo menos uma pessoa que atura as minhas palavras. Fico feliz por isso. Obrigada Nicole Morais )


Ontem, soube de algo que me deixou bastante inquieta. O Pai e o Irmão de um amigo meu tiveram um acidente... O Irmão, já está em casa, e embora um pouco lesionado, acho que está bem. O Pai, está ainda no Hospital, segundo o que sei até agora. 
Quando vi o meu amigo (let's call him B*) vi logo pela sua expressão que algo não estava bem. Ele está sempre muito alegre, mas naquele dia, percebi que se tinha passado alguma coisa. Quando ele me disse, embora eu não conheça o Pai nem o Irmão dele, não pude deixar de sentir um aperto no coração.
O que vi na cara do B* foi algo que nunca tinha visto nele, e isso assustou-me. 
Mas vai ficar tudo bem, não vai? Tem de ficar 

Não conheço MUITO bem o B*, mas considero-o um amigo. É uma pessoa fácil de se gostar: simpática, divertida, amigável.
Mas não interessa, conhecendo bem ou não, os amigos existem para todos os momentos, e este é um daqueles em que se precisa mesmo 

As Melhoras, vai correr tudo bem.
E porque esta música enquadra-se aqui tão bem... 

1 comentário:

nicolemorais disse...

OKAY :O sabes que... aqui estás a falar do Bruno e do Zé? Odivelas? :o