pour toujours

23.3.13

So I Cross My Heart And I Hope To Die ♥


O que pairava nela não era muito mais do que um ódio reprimido. Sempre lhe disseram que o sentimento mais próximo do amor é o ódio. Ela nunca o compreendera completamente, mas agora... agora via o porquê de ignorar as palavras lançadas ao vento. Via por que queria ser cega. E apercebia-se que a cobardia de muitos era a coragem dela para mudar tudo à sua volta e ser melhor sem ele.

12 comentários:

Inês disse...

há-que ter força e deixar o passado voar ao sabor do vento.

Francisca. disse...

desejo-te muita força para conseguires ultrapassar esta fase*

Margarida disse...

está lindo! força * continuo aqui apesar de já não ter blog :))

andrii disse...

Margarida, muito obrigada por tudo, mesmo! <3

nicolemorais disse...

Agora agarra nessa coragem e sê melhor, então.

inês geraldes disse...

obrigada. quero que eles fiquem, mas só ficam se quiserem. obrigada, como estás?

Rosinha disse...

Sinto-te realmente escura e sombria. Parece que a força que tinhas se esfumou com o vento e a chuva, mas não pode ser assim. Tu tens que dar a volta por cima. Tu és tu e já o eras antes de ele aparecer. Não sei o que se passou para que tudo terminasse quando parece que ainda o amas, mas sei que há coisas que não são para toda a vida. E se terminaram foi porque tinha que acontecer. E verás que, de certeza, que tens uma lição a retirar de tudo isto.
Eu estou aqui para se precisares de alguma coisa, sim?

inês geraldes disse...

normal :)

Rosinha disse...

Espera; há uma coisa que não entendo: como é que tu dizes que ele te ama se anda com outra rapariga? Isso, meu bem, isso não é amar-te. Isso é ser um estúpido de primeira que não sabe o que quer da vida. Isso é não ter princípios nenhuns. Desculpa mas é o que acho e acho também que estás melhor sem ele do teu lado. Porque alguém que faz isto, de dizer que ama e estar com outra pessoa que não és tu, é alguém que não será, de certeza, de confiança.
Eu quero saber como te tens aguentado. Tens que o ver todos os dias, não é? Isso só piora qualquer tipo de melhora que possas ter ... Mas, por favor, promete-me que te mantens forte.

inês geraldes disse...

nem por isso, estou um bocadinho cansada de bater na mesma tecla e não conseguir esquecer as coisas.

Cláudia ♡ disse...

és e estás melhor sem ele, consegues ultrapassar, força <3

inês disse...

mas custa. obrigada!