pour toujours

31.10.12

Your Arms Are My Castle ♥


Deixa-me perdida no teu sorriso. No calor que emanas e nas palavras que proferes. Deixa-me perdida no amor e na felicidade. Deixa-me perdida em ti. Porque foi ao perder-me, que me encontrei. Recuperei a pessoa que era. A pessoa que sou. Nos meus olhos ainda paira um laivo de melancolia, mas talvez isso já faça parte de mim. O triste tem tanto de belo como o feliz, certo? É. Tão certo como o facto de nós pertencermos um ao outro, de uma forma que eu ainda não consegui explicar. É como se de uma equação matemática nos tratássemos. Uma equação de primeiro grau, que só tem uma solução possível. E essa solução somos nós.

14 comentários:

mariaa disse...

Gostei do texto :)

nicolemorais disse...

Eu toda apaixonada ahah <3

Cláudia Ribeiro * disse...

perfeito * adorei <3

nicolemorais disse...

E eu li-as, meu amor, eu li. Porque não consigo abrir aquele livro sem as ler. E ainda melhor foi ter colocado lá o envelope que tanto querias que eu lesse primeiro que tudo. E eu leio tudo assim que abro aquela capa. E só depois vou ler a história.

Inês disse...

Oh, adoro o teu blog! Vou seguir.

catarina disse...

obrigada anjinho.

Inês disse...

Obrigada! Mas eu sigo-te

Cláudia Ribeiro * disse...

Obrigada eu querida <3

Mariana * disse...

just perfect!

mariaa disse...

De nada :)
Pois é, é horrível mesmo :s

Inês disse...

Ainda não apareço nos teus seguidores?

Joo disse...

Sentir esta sensação que finalmente está tudo bem, é super boa meu bem. Desculpa a demora querida, mas fui à Therapy, não sei se sabes o que é, mas foi tão hardcore que eu tive que recuperar!! <3

Recomeçar disse...

Tão giro :) Felicidades para os dois

Filipa disse...

Adorei o texto (: