pour toujours

27.8.12

01h16

Nunca me senti tão sozinha como neste momento. 
Nunca quis tanto uma bebida como agora. 
Nunca quis tanto esquecer-me que existo como agora. 
Nunca te quis tanto aqui como agora.  

7 comentários:

joana ; disse...

uma bebida mata sempre a saudade. Não vai ser nada, não preocupa.

LEAH disse...

time heals all wounds*

nicolemorais disse...

Nunca quiseste tanto falar comigo como agora.
<3

Daniela disse...

gostei muito *-*
estou a seguir :)
visita e dá a tua opinião:
http://castrodanniela.blogspot.pt/

LEAH disse...

só tens que dar tempo ao tempo meu bem, e nunca, nunca deixes de sorrir <3
obrigada*

ana catarina disse...

força *

S disse...


olá querida
sou a S do be wild cujo link anterior era «nooloveeinnourrsoulss.blogspot.com» e do qual eras seguidora. peço-te que, se assim o quiseres, voltes a seguir o meu novo link: holdinggyouulikeethiss.blogspot.com
agradeço imenso a atenção
beijinho,
S