pour toujours

25.4.12

And There's No Remedy For Memory ♥


Não estava habituada a ser feliz. Na realidade, apenas fora completamente feliz uma vez. Uma vez na sua vida, por uns míseros 21 dias. E no final, até onde é que isso a levara? A um estado de apatia ainda maior. A uma dormência tal, que passara a ver o mundo a preto branco, a ouvir os sons através de um filtro. Passara a viver como se estivesse vendada. Talvez estivesse mesmo. Talvez a amargura tivesse coberto de tal forma os seus olhos e o seu coração que o céu passara a ser o seu chão. E ela não gostava de alturas. Não. Passara a odiá-las desde que caíra desamparada, no 21º dia. 
Ela não estava habituada a ser feliz, por isso, quando um sorriso verdadeiramente sentido lhe esculpia os lábios, ela estranhava o sentimento. Estranhava o sentimento assim como estranhava não ter a mão dele para agarrar. Não ter o seu corpo do lado do dela. E ao fim de 119 dias passados, desde o 21º, ainda não se habituara a tal privação. Não precisava de um coração novo, precisava de uma vida nova. O "problema" é que precisava de ser com ele.



27 comentários:

nicolemorais disse...

ela ainda não recebeu o sinal de que devia desistir, esse ainda está apagado, portanto, tem passagem livre para seguir antes que pare, antes que o tempo de lutar chegue ao fim. diz-lhe para o fazer, sem receios. assim, poderá ter essa vida nova, essa mão e esse corpo, do lado dela, só para ela.

Cristiana Reis disse...

de nada minha princesinha. e obrigado, és sempre tão querida <3

Lúcia Pereira disse...

gostei (:

Marisa Engenheiro disse...

que lindo !

Lúcia Pereira disse...

de nada.
muito complicado mesmo , mas temos que aprender com o tempo , a darmos mais valor aquilo que somos

Francisca. disse...

gostei muito :)

Cristiana Reis disse...

tenho mesmo que agradecer, tens imenso jeito linda! eu sei <3

Maria João Cardoso disse...

acho que já chegou ao blog de toda a gente princesa (x coitada da miúda, deve ser uma maníaca, tratei-a tão bem que ela não apareceu mais ;)

PS.: amo a música *

nês disse...

obrigada eu!

Cristiana Reis disse...

e tu achas que não és? não agradeças <3

Marisa Engenheiro disse...

quem tem que agradecer sou eu *.*

Cristiana Reis disse...

oh, esta bem, esta bem. mas tens um jeito enorme para escrever <3

Marisa Engenheiro disse...

oin, que fofa <3

Cristiana Reis disse...

oh já nem sei que dizer ihih <3

Cristiana Reis disse...

oh, nem pensar ahah!

Marisa Engenheiro disse...

aii que amor <3

CM disse...

adoorei o teu texto mesmo :) a música é fantástica! *

CM disse...

ohh de nada andrii :)

Maria João Cardoso disse...

coitadita (x
de nada princesa!

Pedacinhos de mim disse...

Parabéns por este post está deverás muito bom. Beijo :)*

Cristiana Reis disse...

oh, és mesmo querida! linda és tu <3

Renata disse...

Olá, passei á segunda fase, contudo, preciso da tua ajuda para vencer. Basta um "gosto" na foto e na página. Agradeço. https://www.facebook.com/profile.php?id=1517261550#!/photo.php?fbid=386988831345696&set=a.386984771346102.92125.264167150294532&type=1&theater

-M. disse...

oh querida, não passa, a dor é igual desde o primeiro dia..
obrigada por tudo <3

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

ADOOOORO!

sophie disse...

http://www.facebook.com/photo.php?fbid=386985698012676&set=a.386984771346102.92125.264167150294532&type=3&theater
Passei à segunda fase e preciso novamente da tua ajuda para ganhar! mete gosto e divulga pf! obrigada:)

mél disse...

óh meu anjo alguma coisinha estarei aqui, basta dizeres. posso demorar a responder ultimamente mas se vir que precisas de mim durante as minhas vistas q faço quase todos os dias aos comentários, eu respondo te logo! eu eu sei disso, mas está tudo muito complicado e ele era o meu único suporte mas já nem isso tenho :s

Jun disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.